notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 23/11/2017

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    aumento da violência

    Prefeito Marco Alba passou o dia em reuniões e audiências e fez pedido para estado reforçar a segurança em Gravataí ao secretário César Schirmer agora à tarde. FOTO | Rodrigo Ziebell/SSP

    Segurança vai ser reforçada mesmo sem a Força Nacional

    por Silvestre Silva Santos | Publicada em 23/10/2017 às 17h31| Atualizada em 27/10/2017 às 13h10

    Não vai ter efetivo da Força de Segurança Nacional (FSN) atuando em Gravataí. Pelo menos a curto prazo. A negativa partiu do secretário estadual da Segurança, César Schirmer, ao prefeito Marco Alba (PMDB) durante reunião realizada agora no começo da tarde em Porto Alegre.

    O prefeito foi até Schirmer pedir os agentes da FSN alegando a “falência do sistema de segurança” e o caos estabelecido no município com o aumento da violência e o índice elevado de homicídios que atinge o maior patamar dos últimos 10 anos.

     

    LEIA TAMBÉM:

    Prefeito faz peregrinação na capital por mais segurança

    Gravataí bate recorde de homicídios

     

    A peregrinação de Marco Alba na Procuradoria-Geral de Justiça e na Secretaria de Segurança é consequência, principalmente, do atentado ocorrido no começo da madrugada de ontem (22/10) na Morada do Vale II, que resultou em duas mortes e 33 pessoas feridas.

    Da reunião com o secretário Schirmer o prefeito Marco Alba saiu apenas com a promessa de reforço nos serviços policiais, principalmente da Brigada Militar que já tem 70 PMs deslocados para Gravataí desde o mês passado.

     

    LEIA TAMBÉM:

    OPINIÃO | Atentado na Morada é Somália, não Paris

     

    Informações extraoficiais dão conta que o efetivo do 17º BPM da Brigada, em Gravataí, terá o reforço de policiais com cães, da cavalaria, batalhão de operações especiais, apoio aéreo e instalação de plataformas de observação em locais de maior movimentação.

    O serviço de inteligência, segundo o prefeito disse há instantes para o Seguinte:, também será reforçado na Brigada militar de Gravataí, além de uma ação conjunta com a Polícia Civil para combater o crime e colocar freio na escalada de violência.

    Ele confirmou a informação de que a FSN não deve atuar em Gravataí diante da alegação do secretário Schirmer que isso depende da superação de questões burocráticas que podem demandar, na melhor das hipóteses, a 30 dias, podendo chegar a dois meses.

    Se ficou satisfeito com as medidas anunciadas, o prefeito afirmou:

    --- Não posso dizer que não, na medida em que as forças do estado assumem publicamente que vão tomar medidas a partir de hoje para conter a violência e restabelecer a ordem e a tranquilidade.

     

    O QUE FICOU ACERTADO

     

    : Policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) serão deslocados para Gravataí para realização de barreiras e outras operações a partir desta terça-feira.

    : Serviço aéreo da Brigada Militar vai fazer operações em apoio às equipes por terra visando a localização de foragidos e suspeitos de crimes procurados pela polícia.

    : Plataformas elevadas de observação vão ser instaladas em pontos de maior movimentação para monitorar eventuais ações de criminosos.

    : Policiais com cães reforçarão o patrulhamento nas ruas de Gravataí visando principalmente a localização de drogas.

    : Seis policiais civis vão reforçar a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) na investigação do atentado deste domingo na Morada do Vale II e de outros crimes graves ainda sem solução.

    : Nos próximos dias a Secretaria Estadual da Segurança pedirá ao Ministério Público a transferência de presos de alta periculosidade e líderes de facções criminosas para o sistema prisional do estado.

     

    O QUE ELE DISSE

     

    --- Tenho que confiar na Brigada, na Polícia Civil, no Judiciário e no secretário estadual (da Segurança) até como forma de contribuir para que as ações deem certo. A população vai perceber estas ações já a partir de amanhã (terça-feira).

     

    Marco Alba – Prefeito de Gravataí

    • minuto seguinte
      Servidores no TJ por anulação de sessão das cadeiradas
      por Rafael Martinelli | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • grêmio na final da liberdadores
      Só os torcedores entendem
      por Herculano Barreto Filho
    • rio gravataí
      Arrozeiros perderão licenças no Rio Gravataí
      por Rafael Martinelli
    • coluna do silvestre
      Carrinho Agas reflete novo consumo
      por Silvestre Silva Santos com assessoria
    • festil
      A Fernanda te convida para ir ao teatro
      por Redação
    • a duplicação
      Agora é a Centenário, depois a Adolfo e as pontes
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • rio gravataí
      A medida da sujeira e do veneno na água que bebemos
      por Rafael Martinelli
    • morte da bailarina
      Mãe de Alaíde chora e espera por justiça
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Silvestre Silva Santos | EDITOR | silvestre@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.