notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 19/01/2020

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    opinião

    Prefeito Marco Alba fez live para anunciar obra completa de ligação do Centro com Morungava

    Marco Alba sinaliza polarização com ex-petistas; o ’nós contra eles’

    por Rafael Martinelli | Publicada em 09/01/2020 às 13h33| Atualizada em 16/01/2020 às 13h33

    A live que fez para anunciar o asfaltamento completo da Estrada Lino dos Santos deixou o ‘Marquinho Paz e Amor’ na entrevista Marco Alba está feliz; siga em vídeo e entrevista.

    O prefeito deu indícios de que uma das estratégias da campanha eleitoral de 2020, na qual além de ‘Grande Arquiteto’ da política, será o ‘Grande Eleitor’ de seu candidato ainda indefinido, é fazer comparativos de governo; um ‘nós contra eles’.

    ‘Nós’, no caso, é o governo Marco Alba (MDB) e seu candidato, seja Dr. Levi, Luiz Zaffalon em Jones Martins; ‘eles’, os ex-petistas que disputam a Prefeitura: Anabel Lorenzi (PDT) e os ‘Bordignons’, e Dimas Costa (PSD).

    Na live, Marco fala dos mais de R$ 300 milhões em dívidas que pagou nos últimos sete anos, “sem uma obra que justifique”, e compara com os “R$ 80 milhões” que vai investir.

    – Vamos entregar até o fim de 2020 mais obras que nos últimos 20 anos. Se tivéssemos como investir R$ 300 milhões estaríamos 30 anos na frente. Então, quem nos antecedeu atrasou esse município por 60 anos. E precisa mais uns 10, 20 para consertar. Querem falar dos R$ 80 milhões, que você vê a duplicação das pontes do Parque dos Anjos, a José Arthur Soares, a Centenário, a 020 e uma infinidade de obras por toda a cidade? Por que não explicam os R$ 300 milhões da incompetência, da incapacidade administrativa e da má-fé com a cidade?

    O prefeito alertou que “ainda tem muita conta para pagar”.

    – E não são nossas. Peguei a Prefeitura com 56% de endividamento e vou entregar com no máximo 24%. Metade do que peguei de dívidas. Queriam o quê? Que pagássemos pela incompetência deles e não fizéssemos nada?

    Os causadores, conforme Marco, “agora se apresentam na rua como solução”.

    – Usam outra camiseta, como se fosse só trocar a camisa que não é mais aquela porcaria. São todos fãs do presidiário, disfarçados, mas todos daquela corrente, alguns se fazendo de bom moço, posando de bom menino, quando na verdade causaram sérios prejuízos para a cidade – disse, numa referência óbvia ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

    – O povo precisa ficar atento. Tem mais R$ 300 milhões para pagar, e não são os nossos R$ 80 milhões. Gravataí não pode retroceder, o Brasil não pode retroceder – advertiu, dando uma nacionalizada no debate, mas também dizendo que “Gravataí anda sozinha” se os governos estadual e federal “não atrapalharem”.

    Ao fim, parece-me a leitura lógica do discurso de 14 minutos e 20 segundos. Na Gravataí que, em 2016, deu sete a cada dez votos para Jair Bolsonaro, o ‘PT’ estará na pauta do debate eleitoral em 2020.

    • opinião
      Rodrigo Maroni, o político que é ’um Coringa pelo mundo’
      por Rafael Martinelli
    • 3º Neurônio | opinião
      Aborto, um sentimento de alívio
      por Debora Diniz e Giselle Carino | El País
    • opinião
      Não basta um ’prefeito de Colatina’ para Gravataí e Cachoeirinha
      por Rafael Martinelli
    • 3º Neurônio | crise civilizatória
      Nazismo: banalidade do mal ou gozo dos carrascos?
      por Jordi Jean | El País | Tradução: Eleutério Prado | Outras Palavras
    • 3º Neurônio | ciência
      Encontrado o organismo que explica a origem de toda a vida complexa da Terra
      por Nuño Domínguez | El País
    • zanzando com kati
      Pelas cascatas de Riozinho
      por Katterina Zandonai
    • casas da Granja
      Como foi o processo para regularizar as moradias
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • opinião
      Sobre a ’Cruz de Gravataí’ na mesa do ministro; entenda
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      A fake news do endividamento de Gravataí; o Jesus de 2020
      por Rafael Martinelli
    • coluna do silvestre
      Como se inscrever para vagas na Havan de Gravataí
      por Silvestre Silva Santos
    • opinião
      Policial morto em Gravataí está no Memorial de Honra; parabéns, Nadini
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Gravataí chama médicos, mas 4 em cada 10 desistem; 177 foram embora em 3 anos
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Sobre a utilidade dos assessores na Câmara de Cachoeirinha; a polêmica da biometria
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Segunda é ’Dia L’, de Dr. Levi candidato de Marco Alba; depois o ’Dia A’
      por Rafael Martinelli
    • personagens
      Como é o dia a dia de uma pessoa cega?
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • moradia
      Ainda há 8 mil famílias na fila da casa própria
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • opinião
      Deadpool de Gravataí sem fantasia; em 2020, a caridade pela política
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Anabel critica obra que seus vereadores aprovaram; ou ’aliviando Bolsonaro’
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      A treta de Facebook entre o vereador e o eleitor
      por Rafael Martinelli
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Silvestre Silva Santos | EDITOR | silvestre@seguinte.inf.br
    Guilherme Klamt | EDITOR | guilherme@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.