notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 25/11/2017

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    tradições gaúchas

    Programação da Ronda Crioula 2017 de Cachoeirinha vai ter como sede o CTG Rancho da Saudade, na avenida Frederico Ritter

    COLUNA DO SILVESTRE | Ronda de Cachoeirinha inicia sábado e vai até o Dia do Gaúcho

    por Silvestre Silva Santos com assessoria | Publicada em 04/09/2017 às 16h42| Atualizada em 05/09/2017 às 13h14

    O maior evento cultural de Cachoeirinha mobiliza a cidade todos os anos com piquetes, bailes, apresentações de música tradicionalista gaúcha e danças – claro, gauchescas! É a Ronda Crioula, evento alusivo às comemorações farroupilhas, que começa no próximo sábado (9/9) e vai até 20 de setembro, Dia do Gaúcho.

    Para 2017 a novidade será o 1° Rodeio Artístico e Cultural das Tradições Gaúchas com o tema “Preservando as nossas origens”, nos dias 9 e 10 de setembro, com concurso de invernadas. A ronda que começa sábado e vai até o dia 20 terá como local a sede do CTG Rancho da Saudade, na avenida Frederico Ritter, 2.626, aberto ao público.

     

    Patrono

     

    Um dos destaques da Ronda Crioula é o patrono de 2017, Valdecir de Moraes Laus, um dos tradicionalistas mais conhecidos de Cachoeirinha, criador do evento e um dos fundadores do Rancho da Saudade. Natural de Dom Pedrito, mudou-se para Cachoeirinha há 32 anos.

    Desde a infância, Moraes é envolvido com tradicionalismo por influência dos parentes. Não demorou para que a paixão pela cultura gaúcha o levasse a propor a criação de uma Ronda Crioula em Cachoeirinha, inspirado em um evento semelhante realizado na cidade de Silveira Martins.

    Aos 76 anos, o bancário aposentado, casado, pai de três filhos e avô de cinco netos, está cheio de expectativas para o evento que inicia neste sábado.

    --- Espero que a Ronda Crioula deste ano possa reconstruir a ronda inicial de Cachoeirinha, direcionada à cultura, aos hábitos e costumes do Rio Grande do Sul. É importante também mostrar às novas gerações e à comunidade em geral as tradições gaúchas --- disse o patrono.

     

    O PATRONO, VALDECIR DE MORAES LAUS, É UM DOS TRADICIONALISTAS MAIS CONHECIDOS DE CACHOEIRINHA. ELE PARTICIPOU DA CRIAÇÃO DA RONDA CRIOULA E FOI UM DOS FUNDADORES DO CTG RANCHO DA SAUDADE

     

    Outro destaque do evento é a escolha do peão e prendas mirins, que tem a função de representar a ronda. Para este ano os escolhidos foram o peão mirim Walisson Machado Scherner, a primeira-prenda Isadora Dutra Martins, a segunda-prenda Evelyn Pereira dos Santos e a terceira-prenda Luisa Quevedo da Silveira.

    Eles realizaram prova escrita, mostra artística, que inclui declamação, canto ou tocar um instrumento, e prova oral sobre cultura gaúcha em geral. O peão e as prendas mirins estão percorrendo escolas, igrejas e pontos comerciais, além de eventos da Prefeitura, apresentando a Ronda deste ano. 

    • minuto seguinte
      Jones entre os 15 melhores parlamentares
      por Rafael Martinelli | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • festa campeira
      Rodeio espera 100 mil pessoas até domingo
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • histórias da bola
      O Gre-Nal do ministro
      por Cláudio Dienstmann
    • minuto seguinte
      Marco Munhoz vem a Gravataí falar sobre o futuro da GM
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • dicas
      O verdadeiro e o falso na Black Friday
      por Fraga
    • 3º Neurônio | festil
      É noite de Oscar em Gravataí
      por Rafael Martinelli | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • no por do sol
      Ex-BBB vem a Gravataí para festa na Casa dos Açores
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • rio gravataí
      Arrozeiros perderão licenças no Rio Gravataí
      por Rafael Martinelli
    • a duplicação
      Agora é a Centenário, depois a Adolfo e as pontes
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • rio gravataí
      A medida da sujeira e do veneno na água que bebemos
      por Rafael Martinelli
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Silvestre Silva Santos | EDITOR | silvestre@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.