notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 23/11/2017

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    o filho do Malinoski

    Vinicius, filho do ex-vereador Sérgio Malinoski e ex-gerente da CEEE/RGE, é diretor de criação no braço brasileiro do Google

    Ex-aluno do Gensa é diretor do Google

    por Silvestre Silva Santos | Publicada em 28/06/2017 às 14h14| Atualizada em 05/07/2017 às 14h42

    O cara é avesso às fotos protocolares e formais, tipo atrás da sua mesa de trabalho e ostentando logotipos e logomarcas da empresa na qual é empregado. Aliás, ele é uma espécie de antítese daquele executivo terno-e-gravata que chega ao escritório todo sisudo, espera pelo cafezinho solenemente servido pela copeira e pela pasta com documentos para assinar, trazida por uma secretária que pede licença até para pedir licença.

    É mais ou menos este o perfil que deduzi na conversa de uns 15 ou 20 minutos, por telefone, nesta terça-feira (27/6), com um dos diretores do Google no Brasil, o porto-alegrense de nascimento que se criou no centro de Gravataí, Vinicius Malinoski. Ele mudou para São Paulo em 2009 e desde 2015 – há dois anos aproximadamente, portanto – é um dos executivos da maior empresa de tecnologia do planeta.

    Aos 35 anos, casado desde 2011 com a – também gaúcha – Maria Gabriela Chein Alonso, sem filhos, Malinoski passou a infância e adolescência na aldeia dos anjos e cursou o 1º e 2º graus no Colégio Cenecista Nossa Senhora dos Anjos, o Gensa. Atualmente ele nem vem a Gravataí já que sua família mudou para Santa Catarina, mas garante que deixou por aqui bons amigos e tem ótimas recordações da cidade.

    --- Sempre que vou ao Sul (Rio Grande do Sul) com algum tempo na agenda programo encontros com alguns amigos em Porto Alegre --- disse.

     

    Ostentação e empáfia

     

    Mesmo sendo um ‘bam-bam-bam’ ele não ostenta a empáfia característica de quem se deu bem na vida. Chegar ao Vinicius não foi difícil, embora o primeiro contato tenha sido frustrado porque ele estava em Londres, na Inglaterra, e depois participou do Festival de Cinema de Cannes, na França. Voltou no final de semana passado para São Paulo e ontem, conversou com o Seguinte: entre uma mordida e outra de um lanche rápido.

    Segundo ele, além de estudar o ensino regular no Gensa, cursou inglês na Helens Centro de Idiomas o que, de acordo com seu pai, o ex-vereador de Gravataí Sérgio Malinoski, foi fundamental para Vinicius.

    --- Foi uma ótima base para que ele aprendesse outro idioma e muito importante para a carreira que ele desenvolveu --- disse um orgulhoso pai-tenista-aposentado que mora confortavelmente na paradisíaca Garopaba, em Santa Catarina.

    Vinícius deixou as ruas de Gravataí pela primeira vez em 2003 quando foi para Porto Alegre trabalhar em agências publicitárias. Ele cursou Publicidade e Propaganda na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), onde pegou o canudo em 2004.

    --- Ah, em Porto Alegre trabalhei em várias agências, mas as passagens que mais me marcaram neste início profissional foram na Dez Comunicação, Escala e DCS Comunicação --- afirma.

     

    : Vinicius Malinoski nada formal nem protocolar: Head of Creative no Google Brasil

     

    Cara e coragem

     

    O irmão do psicólogo Wagner (31 anos) e da nutricionista Natasha (36) mudou-se para São Paulo em 2009.  Foi sozinho – quase no estilo com a cara e a coragem – e um ano depois Maria Gabriela fez as malas e embarcou. Antes ela concluiu a faculdade de Engenharia da Produção que estava cursando em Porto Alegre.

    E Vinicius remou, remou, e remou até aportar onde se encontra, como Head of Creative no The Zoo da empresa Google Brasil, que tem escritórios em São Paulo e Belo Horizonte (Minas Gerais). O chefe de criação do ‘zoológico’ do Google tupiniquim  comanda uma equipe com mais sete pessoas da área criativa.

    --- Tá, conta aí, Vinícius, o que a gente pode ver do teu trabalho quando abre a página do Google na internet! --- provoco, curioso.

    --- Nada! --- ele responde.

    O trabalho do gaúcho porto-gravataiense é voltado a ajudar as maiores agências de publicidade e propaganda, ou os maiores clientes corporativos a explorar a plataforma, descobrir e utilizar as ferramentas e aplicativos desenvolvidos pelo pessoal do Google da forma mais criativa possível.

    --- É para que possam fazer a propaganda do modo mais eficiente e da maneira mais profunda visando alcançar os resultados a que se propõem tendo como plataforma o Google --- explica.

     

    Trabalhador comum

     

    Vinicius não parece deslumbrado por estar – e ser um dos cabeças – na maior empresa de tecnologia do mundo. Mas admite que ocupa um posto de muita importância na estrutura verde-amarela da corporação mais valiosa do planeta, que desbancou organizações centenárias no ranking de faturamento.

    No que se refere a números ele se mostra completamente por fora quando questionado sobre quanto o Google fatura anualmente. Até mesmo sobre quantos funcionários a empresa tem nos dois escritórios.

    --- Deve ser uns 1.300. Acho que é isso --- desconversa o Head of Creative.

    Sobre a função, ele descreve:

    --- O que eu faço é algo incrível porque é para uma das empresas mais inovadoras do mundo e onde a criatividade é o principal, e é a mais valorizada do mercado.

    Com uma rotina como outro trabalhador qualquer, de oito horas por dia em pelo menos cinco dias por semana, Vinicius acumula ‘algumas’ milhas aéreas em razão das constantes viagens principalmente para os Estados Unidos (sede do Google), Inglaterra, França e Argentina entre outros países.

    --- São viagens que faço a trabalho, tanto para participar de treinamentos ou reuniões com outros membros de criação quanto para filmagens e outros lances que têm a ver com a produção de peças publicitárias ou formas de utilizar a plataforma de maneira competente e que se traduza em resultados positivos.

     

    O músico

     

    Não bastasse todo seu envolvimento com a empresa, o Vinicius-tatuagem-camiseta descolada-barba-por-fazer-fã-de-Pink-Floyd ainda encontra tempo para a música. Ele é compositor, vocalista e guitarrista – só faltou dizer que é dono – na banda Amigo Imaginário, de indie rock, ou rock independente.

     

    : Malinoski compositor, vocalista e guitarrista na banda Amigo Imaginário que tem mais três gaúchos

     

    Com ele, outros três gaúchos de Júlio de Castilhos, Caxias do Sul e Sant’Ana do Livramento: Guilherme Rech, Pedro Perurena e Vinicius Facco.  Em junho do ano passado a Amigo Imaginário lançou o single “Garopaba” – que entrou para a lista dos 20 melhores discos nacionais de 2016 – e atualmente está na fase de produção do seu segundo trabalho.

     

    Clique na imagem para assistir “O dia em que o sol não nasceu”.

     

     

    --- Para concluir, Vinicius: o Google é mesmo o emprego dos sonhos, para a vida toda? --- pergunto.

    --- Sempre digo que quero morrer no Google. Não é hoje, nem amanhã e nem depois de amanhã. O que significa que eu quero ficar no Google pelo resto da vida --- diz ele em tom divertido.

     

    O Malinoski vereador

     

    O pai de Vinicius, o engenheiro e ex-gerente regional da CEEE, depois RGE, Sérgio Malinoski, 66 anos, foi vereador e ocupou a presidência da Câmara Municipal de Gravataí em 1996, chegando a ser prefeito interino por alguns dias quando Daniel Bordignon era prefeito tendo Miki Breier, hoje chefe do Executivo de Cachoeirinha, como vice.

    Atualmente aposentado e morando há 17 anos em Garopaba, Sérgio define Vinicius de modo bem particular:

    --- É o orgulho do “papi”.

    Em Gravataí a família morou na rua Pompílio Gomes, no bairro Dom Feliciano, por cerca de 25 anos. Atualmente o gremista Sérgio projeta, constrói e aluga moradias na orla de Garopaba e continua se dedicando ao tênis – desde os 32 anos – que jogava no Paladino quando estava na aldeia, esporte pelo qual já disputou torneios nacionais e internacionais.

    --- Saí das quadras do Paladino para destaque nacional no tênis sênior. Até no livro do Jorge Paulo Leman (empresário suíco-brasileiro, carioca de nascimento com uma fortuna de 30 bilhões de dólares em abril passado) estou numa final de tênis --- conta, peito explodindo.

    --- Em Gravataí eu passei ganhando sempre por uns 15 anos até ter um filho que me destronou, o Vini --- continua o jovem sexagenário, recordando de amigos que deixou na cidade como seu “bi-compadre” Scherer, Paulo Leal, Konrad, Fernando Costa, Paulo Ryszewski, Paulo Brambila e tantos outros.

    Sérgio diz que Gustavo “Guga” Kuerten é sua referência no tênis, revela que tem em casa 247 troféus conquistados com as raquetes desde que abandonou o futebol de salão de antigamente, hoje futsal, e conta que disputou até um Mundial de Seniors realizado na Turquia.

    Sobre o Leman, do livro, o próprio Sérgio esclarece.

    --- O Jorge Paulo Leman foi um grande tenista, jogou a Taça Davis pelo Brasil e pela Suíça. Bate muito, é quase um profissional... Hoje é o cara mais rico do Brasil e, olha só, honesto! Na autobiografia dele tive a honra de sair com foto e tudo nas páginas centrais.

     

    : Sérgio Malinoski com seu inconfundível uniforme tricolor porto-alegrense e a filha Natasha

     

    O QUE É O GOOGLE

     

    1

    O que significa a palavra Google? Ela surgiu como trocadilho em cima da palavra “googol”, termo matemático para o número representado pelo dígito 1 seguido de 100 dígitos 0.

     

    2

    Larry Page e Sergey Brin, os criadores do Google, usaram esse termo para mostrar que a quantidade de informações no buscador é aparentemente infinita.

     

    3

    O Google foi chamado assim pela primeira vez em 1997, quando ainda era um mecanismo de busca que funcionava somente internamente na Universidade de Stanford, na Califórnia, Estados Unidos.

     

    4

    Em 4 de Setembro de 1998 foi que surgiu oficialmente a empresa Google Inc, que está presente no nosso dia a dia e em 99,99 de cada 100 computadores, notebooks, tablets e smartphones.

     

    5

    A controladora do Google, Alphabet, anunciou um crescimento de 22% no faturamento de 2016, atingindo receita de US$ 26,06 bilhões, com um aumento de 8,3% no lucro do quarto trimestre, para US$ 5,33 bilhões, diante de US$ 4,92 bilhões em igual período do ano anterior.

    • minuto seguinte
      Servidores no TJ por anulação de sessão das cadeiradas
      por Rafael Martinelli | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • grêmio na final da liberdadores
      Só os torcedores entendem
      por Herculano Barreto Filho
    • rio gravataí
      Arrozeiros perderão licenças no Rio Gravataí
      por Rafael Martinelli
    • coluna do silvestre
      Carrinho Agas reflete novo consumo
      por Silvestre Silva Santos com assessoria
    • festil
      A Fernanda te convida para ir ao teatro
      por Redação
    • a duplicação
      Agora é a Centenário, depois a Adolfo e as pontes
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • rio gravataí
      A medida da sujeira e do veneno na água que bebemos
      por Rafael Martinelli
    • morte da bailarina
      Mãe de Alaíde chora e espera por justiça
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Silvestre Silva Santos | EDITOR | silvestre@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.