coluna do silvestre

EXCLUSIVO | Prefeitura define quem vai duplicar as pontes do Parque

Licitação para construção das novas pontes, ao lado das travessias atuais, foi lançada no começo de setembro passado. Expectativa é que as obras estejam prontas até o final de 2019.

A Prefeitura de Gravataí vai abrir nesta quarta-feira (31/10) os envelopes com propostas das empresas que se habilitaram para fazer a duplicação das pontes do Parque, ligando a avenida Centenário à avenida Ely Corrêa, sobre o Arroio dos Ferreiros.

As propostas serão conhecidas a partir das 14h na sala de licitações da Secretaria Municipal da Administração, Modernização e Transparência (Smat). Definida a empresa vencedora – menor valor para a obra – inicia o prazo para que as demais empresas apresentem recurso, se desejarem.

Somente depois dos cinco dias de prazo para os recursos é que a Prefeitura vai anunciar o nome da empreiteira que vai fazer a duplicação das pontes. Ao todo, disputam a licitação quatro empresas que passaram pela prova de habilitação, cujos envelopes foram abertos há cerca de 15 dias.

O prefeito de Gravataí, Marco Alba (MDB) já disse que até o fim deste ano quer ver as obras em andamento e que a inauguração deve acontecer no máximo até o final de 2019.

 

LEIA TAMBÉM

COM VÍDEO | Pontes do Parque: definida data para iniciar a duplicação

 

No DOU

 

O edital com chamamento às empresas para que se habilitassem a fazer a duplicação das pontes do Parque foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) em 10 de setembro e, em Gravataí, o prefeito Alba comemorou a publicação e tornou pública a notícia no dia seguinte, em ato no seu gabinete.

— Se tudo der certo e não houver contestação à empresa vencedora, é só o tempo de preparar e instalar o canteiro de obras para que o serviço comece — disse o prefeito, na ocasião, ao anunciar que as obras devem iniciar em outubro ainda ou nos primeiros dias de novembro.

O custo da duplicação, na estimativa do governo municipal, deve ficar em torno dos R$ 6,1 milhões, dinheiro que deve sair dos cofres da Prefeitura.

— A verba para esta obra é nossa mesmo, dá para pagar porque é um valor relativamente pequeno perto do nosso orçamento. Sem contar que, se faltar dinheiro, dá para fazer um empréstimo, tranquilamente, e tocar a obra — afirmou o chefe do Executivo.

 

Como vai ser

 

O secretário Alison é quem explica:

 

1

A duplicação vai constar da construção de duas novas pontes, à direita das atuais para quem transita no sentido Parque dos Anjos – Centro de Gravataí.

 

2

A extensão total da obra é de aproximadamente 220 metros sendo que as pontes propriamente ditas terão cerca de 30 metros cada.

 

3

Além disso tem o vão entre elas – que precisa ser duplicado e asfaltado – e mais a conexão das duplicações com os trechos duplicados, por com lado com a Centenário e, por outro com a avenida Ely Correa.

 

4

Depois que as duas novas pontes estiverem prontas, inclusive com sinalização, pista de ciclovia e asfaltadas, elas deverão receber o trânsito de veículos para que as travessias atuais sejam revitalizadas e fiquem em iguais condições das que serão construídas.

 

 

 

 

 

Participe de nossos canais e assine nossa NewsLetter

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Conteúdo relacionado

Receba nossa News

Publicidade